Próximas actividades de astronomia

O programa de astronomia de verão/2015 na Madeira oferece-lhe a próxima sessão, dia 08, sábado, na Casa do Areeiro, logo acima do portão norte do Chão da Lagoa. Poderão ocorrer alterações de última hora, decorrentes de vários factores e das condições meteorológicas, sugerindo-se sempre a consulta antecipada desta página. Caso esteja interessado(a) em acompanhar os astrónomos em lugares de altitude (Chão da Lagoa/Casa do Areeiro), sugere-se o uso de roupas adequadas a esses locais dado que, ainda que no verão, as temperaturas alteram-se rápidamente. No final de cada sessão, poderá avaliar o que observou e os conhecimentos transmitidos, dirigindo-se à página http://www.cienciaviva.pt/veraocv/comum/2015/inscricoes.asp?accao=avaliarsemlogin&id_accao=5650&id_dataaccao=6243 . Eis o calendário:

-Dia 08/08/15 – 21h30 – Casa do Areeiro, acima do portão norte, Chão da Lagoa – Observação completa dos astros

-Dia 12/08/15 – 21h30 – Casa do Areeiro, acima do portão norte, Chão Lagoa – Perseidas (estrelas cadentes)

-Dia 15/08/15 – 21h30 – Casa do Areeiro, acima do portão norte, Chão Lagoa – Observação astros

-Dia 19/08/15 – 21h30 – Miradouro Lombas/Porto Santo – Observação astros

-Dia 21/08/15 – 21h30 – Cais do Funchal – Observação astros

-Dia 22/08/15 – 21h30 – Promenade do Caniço – Observação astros

-Dia 23/08/15 – 21h30 – Miradouro Lombas/Porto Santo – Observação astros

-Dia 29/08/15 – 21h30 – Rotunda Lido – Observação astros

-Dia 05/09/15 – 21h00 – Casa do Areeiro, axcima do portão norte, Chão da Lagoa – Observação astros

-Dia 12/09/15 – 20h00 – UMa/Terraço – Palestra e observação astros

Imagens da Rotunda do Lido – sessão de 25/07/15

IMG_4383IMG_4395IMG_4404IMG_4415

 

 

 

 

Imagens da Casa do Areeiro – sessão de 18/07/15

IMG_4347IMG_4332IMG_4341IMG_4335

 

 

 

 

Abaixo imagens da sessão dia 15/07/15 – Porto Moniz

IMG_4301IMG_4304IMG_4307IMG_4308

Asteroid Day – 30 de Junho

Com uma aderência surpreendente por parte do público, realizou-se, ontem, na Universidade da Madeira, o evento designado por Dia do Asteróide (Asteroid Day). A palestra alusiva ao mesmo teve lugar no auditório 1 da UMa e foi conduzida pelo Eng.º Ilídio de Andrade, astrónomo do grupo do GAUMa, cujo conteúdo correspondeu na íntegra ao que era proposto pelos responsáveis pelo evento internacional e demonstrou não só a pequenez do nosso planeta mas ainda uma posição de imensa fragilidade perante os astros (asteróides) vizinhos cujos movimentos o colocam por vezes em situação de risco. Apoiado em imagens credíveis da NASA desenvolveu o tema tendo em vista sensibilizar-nos a todos para os objectivos da comunidade científica internacional.

No final, foram apresentadas algumas intervenções por parte de um astrónomos e algumas pessoas do público, questões que levaram a uma viva interacção entre o orador e os participantes tendo como tema de fundo os asteróides e o risco que estes constituem perante o nosso planeta em face dos antecedentes conhecidos.

Embora com significativo número de interessados, a observação dos astros prevista paras as 21h30 não foi realizada em face do céu se apresentar muito nublado e sem abertas significativas para a sua realização, facto que se lamenta por tal impossibilidade derivada das condições meteorológicas.

Depois de uma passagem dos astrónomos pelas escolas Gonçalves Zarco e Santa Cruz, integrando este tema, deixamos aqui algumas imagens da Dina Góis, sendo a última constituído pelo grupo de astrónomos da Região.

A Direcção da AAAM,

Fernando Góis

IMG_4087IMG_4088IMG_4094IMG_4095

 

Casa Areeiro – 23/05/15

No espaço de um mês, a segunda vez consecutiva, os astrónomos viram-se confrontados com condições meteorológicas adversas aos objectivos traçados. Os trabalhos previstos não foram integralmente realizados apesar de inúmeras e sucessivas abertas ao longo do dia e ao cair da noite pela simples razão de que esses períodos não se mantinham constantes que permitissem um princípio, meio e fim. Perante essas perturbações, procedeu-se aos seguintes trabalhos:

a) Foi ensaiada a montagem e reparação do telescópio solar Coronado sob a supervisão do colega especialista Rui Aguilar, trabalho que sofreu inúmeras interrupções e acabou por não ser completado em face de terem surgido muito momentos nublados que a isso impediram;

b) O telescópio Celestron CPC 800 foi instalado, não tendo sido possível ministrar formação específica sobre este equipamento em face das condições meteorológicas não o terem permitido e fazendo com que essa componente fosse remetida para o interior das instalações sob responsabilidade de Rui Aguilar e com o apoio da consulta de livros da especialidade;

c) Foram apresentados e testados dois binoculares, por Rui Aguilar, o maior com repetição de ensaio, trabalhos que não foram completados pelas mesmas razões das outras tarefas agendadas;

d) Com cerca de 12 elementos, pelas 20h30 realizou-se o habitual convívio que se prolongou até às 22:00, momentos esses que serviram para sedimentar melhores relações de trabalho e amizade entre astrónomos e seus familiares;

e) Tentou-se o reinício dos trabalhos mas as condições meteorológicas pouco tempo depois agravaram-se levando a que os participantes aproveitassem essas pausas para debater diversos temas de astronomia, entre eles equipamentos de astrofotografia, astronomia de verão e actividades nas escolas.

Ficou desde ontem agendado o próximo dia 20 de Junho para a próxima reunião de astrónomos e respectivos trabalhos.

Imagens de Dina Góis e Fernando Góis

IMG_3832IMG_3839IMG_3844IMG_3861 IMG_3853IMG_3872IMG_3875IMG_3876

 

.

Casa Areeiro – 25/04/15

Os trabalhos agendados não decorreram como previsto face à inconstância do tempo. Ainda assim foram concretizadas as seguintes actividades:

a) Abordagem teórica sobre razões e objectivos da pesquisa de meteoritos. Conduzido por Fernando Góis e com a presença de seis elementos, mais tarde já com oito, sedimentámos os nossos conhecimentos sobre meteoritos, trabalhos que foram sendo discutidos ao longo de um hora entre todos os participantes;

b) Subsequentemente, ensaia-se a pesquisa no terreno, tendo-se verificado muita curiosidade e interesse por este trabalho se bem que faltasse o detector de metais, substituído aqui por dois enormes ímanes e que realizaram um excelente trabalho;

c) Workshop sobre astrofotografia conduzido por Duarte Silva onde foram abordados temas diversos, desde lentes, câmaras, computadores, telescópios, programas e noção de histograma com simulação de imagens;

d) Depois de um convívio entre astrónomos, que se verificou pelas 20h30, foi a vez de Rui Aguilar fazer a apresentação de um binocular por si construído com lentes de abertura de 130mm de abertura. Durante duas horas foi necessário mudar de local por 3 vezes face à intensidade do vento, momentos que serviram para testar as diversas vertentes do equipamento como montagem e efeitos da turbulência, colocação em declinação e equatorial, e respectiva resolução, Para os astrónomos presentes, em número de 12, passou no teste da resolução, tendo-se concluído que equivale a um telescópio normal com a abertura de 12″ (300mm);

Os nossos objectivos apontavam para a captação de imagens planetárias e céu profundo, mas pelas 02h15 tivemos de abandonar o local de trabalho face ao vento e chuviscos que por vezes perturbavam.

Imagens de Dina Góis e Cristina Freitas

IMG_3595IMG_3617IMG_3635IMG_3641IMG_3659IMG_3676IMG_3677IMG_3686

Próxima actividade – 11/04/15

Na prossecução dos trabalhos inerentes a este grupo associativo, foi agendada a actividade seguinte:

-Dia 11/04/15 – Viagem de catamaran entre Funchal/Santa Cruz/Cabo Girão – Visita de estudo para astrónomos e familiares, integrada na formação sobre geodiversidade e aspectos geológicos costeiros da Madeira, preparação para a actividade de pesquisa de meteoritos sob a orientação do Prof. Dr. Engº João Baptista P. Silva. Custo da viagem: €12,50 - INSCRIÇÕES ATÉ: 07/04/15.