Astrónomos na Escola do Monte

A motivação era enorme para esta sessão, mas as condições atmosféricas decepcionaram os olhos de duas dezenas de participantes, contando-se vários alunos, professores e familiares. As nuvens cinzentas e bem carregadas não permitiam vislumbrar qualquer estrelinha na esfera celeste, aguardando-se pacientemente. Lá pelas 21h30, entre núvens, surge o brilho do nosso satélite natural e foi momento da ocular apontar para as suas crateras e “mares”, embora de uma forma fugaz porque tão depressa se observava como se escondia. Daqui não saímos, um pouco decepcionados os presentes, até que, depois de uma breve mini palestra sobre iniciação à astronomia, aparece a estrela Espiga, da Virgem, mesmo ao lado do planeta dos anéis, entre núvens e da mesma forma que a Lua. A oportunidade de o observar, com os anéis igeiramente desmaiados, não foi desperdiçada…! Foram momentos breves, infelizmente. E por aqui ficámos, com as pessoas dispersando gradualmente do local. Quando nos preparávamos para desmontar o telescópio, cerca das 22h30, com as pessoas afastadas do local, as núvens desaparecem e deixam mostrar todos os astros. Que pena!

Seguem algumas imagens da actividade!

A Direcção  

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>